Saúde

Teste de gravidez: como escolher um de confiança?

Teste de gravidez
Escrito por Rodrigo Fávaro

Se você está sentindo os primeiros sintomas de gravidez ou abandonou os métodos anticoncepcionais e quer muito engravidar, certamente, precisou ou ainda vai precisar escolher um teste de gravidez, que é o método mais utilizado por mulheres para investigar a possibilidade de uma gestação.

Os testes de gravidez agem identificando a presença do hormônio beta-HCG (gonadotropina coriónica humana) na urina. Em situações normais, esse hormônio aumenta a concentração logo após a fecundação do óvulo. Ou seja, em caso de atraso menstrual, provavelmente, os níveis desse hormônio estarão elevados na sua urina e o teste de gravidez vai ser positivo.

Existem inúmeros tipos e marcas de testes no mercado e a grande dúvida é sempre como escolher o melhor para garantir a exatidão dos resultados. Para não restar mais dúvidas, este artigo vai trazer dicas de como fazer a escolha certa. Vamos lá?

Escolha uma marca

Basicamente, o método de análise de todas as marcas é o mesmo: identificar a presença do hormônio na urina. E a grande maioria das marcas tem um índice de acerto, variando entre 95% a 99% dos casos.

Ou seja, independentemente da marca, se seguidas as orientações descritas na bula do teste, certamente, o resultado será confiável. Entretanto, para não errar na escolha, pesquise as marcas pretendidas e veja se há relatos informando a experiência de outras usuárias. 

Analise o custo

Assim como existem diversas marcas, também existe uma faixa de preço para os testes de gravidez. Os custos do produto podem variar de R$ 5,00 a R$ 40,00. No entanto, não necessariamente o mais barato vai ser pior, e o mais caro, mais confiável.

Mudam a metodologia de análise e a quantidade de informações fornecidas, já que, em alguns, o resultado pode vir em forma de barras (caso existam duas, é positivo), outros se manifestam em uma alteração na cor, e existem ainda produtos que são capazes de mostrar até a quantidade de semanas de gestação. Então, vale a pena analisar esses pontos.

Identifique o tipo de teste

Apesar de todos os testes analisarem a urina, o que pode variar de um para o outro é a forma como esse procedimento é feito. O produto pode ser dos seguintes tipos:

  • vareta, que é mergulhada na urina e, dependendo da marca, deve ser retirada ou mantida no líquido o tempo pedido;
  • sabonete, que se assemelha um sabonete de viagem. Nesse método, algumas gotas de urina são depositadas em uma cavidade e, daí, correm por uma membrana com o reagente, que muda de cor, caso seja positivo;
  • métodos que utilizam algum tipo de pó ou líquido na urina e, em seguida, outro dispositivo confere a presença ou não do HCG.

Conte com indicações

Por fim, a dica é contar com a boa e velha indicação de amigas. Busque por opiniões de mulheres que já utilizaram alguma marca ou tipo de teste e converse sobre a confiabilidade.

Depois de escolher a marca e o tipo de teste de gravidez que melhor se adapta às suas necessidades, é preciso ter em mente que, para obter resultados corretos, é necessário seguir exatamente as instruções presentes no manual. O indicado é colher a primeira urina do dia — pois a concentração do HCG é maior —, aguardar o tempo certo e, se possível, realizar o teste, pelo menos, dois dias depois do atraso menstrual. Assim, o resultado será confiável e seguro.

E aí, o que achou do texto de hoje? Que tal conhecer um pouco mais sobre métodos anticoncepcionais? Leia nosso artigo e conheça 5 métodos anticoncepcionais para se cuidar! Vamos lá!

banner omega 3Powered by Rock Convert

Sobre o autor

Rodrigo Fávaro

Administrador de empresas com pós-graduação em Matemática Financeira e MBA de Gestão do Varejo Farmacêutico (CPDEC).

Cerca de 8 anos atrás, fui diagnosticado com uma doença autoimune, chamada Doença de Chron, a partir deste dia vi o quanto é importante ter nossa saúde em dia.
Isso foi o gatilho para meu maior propósito: Ajudar outras pessoas a cuidarem de sua Saúde e Qualidade de vida.

Deixar comentário.

Share This