Saúde

Guia completo para ter mais energia no dia a dia

Mulher precisando de ter mais energia e disposição
Escrito por Rodrigo Fávaro
vitaone cabelos e unhasPowered by Rock Convert

1. Introdução

Você sempre teve a disposição necessária para encarar a rotina, mas, de uns tempos para cá, está sem energia para os afazeres do dia a dia? Pois saiba que se sentir cansado às vezes, devido uma correria ou outra, é algo normal. O problema é quando o cansaço começa a se repetir com frequência e a atrapalhar a sua vida.

A partir do momento em que levantar da cama vira uma verdadeira tortura, as horas no trabalho não passam e, ao chegar em casa, você não tem vontade de sair do sofá e só pensa em dormir, há algo errado. O próximo passo, portanto, é descobrir o que está acontecendo para encontrar uma solução.

Neste guia, separamos as principais causas da falta de energia e quais hábitos devem ser cultivados para aumentar a sua disposição. Vamos descobrir tudo sobre o assunto?

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

2. Sem energia? Veja o que pode ser esse problema

Muitas vezes, as pessoas pensam que o cansaço excessivo ocorre apenas devido à sobrecarga da rotina. No entanto, existem diversos problemas de saúde que podem afetar seus níveis de energia. Por isso, fique atento e procure um médico assim que notar esse sintoma, para receber um diagnóstico e o tratamento adequado.

2.1 Desequilíbrios hormonais

Os hormônios são moléculas sintetizadas pelo organismo em quantidades bem controladas, os quais têm a função de regular os sistemas e processos metabólicos. Quando ocorre um desequilíbrio nessa produção, sintomas como sensação de fadiga e cansaço começam a ser percebidos.

Essa situação ocorre principalmente quando a disfunção hormonal é tireoidiana, responsável por regular o metabolismo corporal. Quando a tireoide diminui a produção dos hormônios T3 e T4, condição chamada de hipotireoidismo, além da falta de energia, o paciente também vai notar queda de cabelounhas mais fracas e tendência ao ganho de peso.

Nesse caso, é recomendada a reposição hormonal por meio de medicamentos para reequilibrar o funcionamento do corpo. Ademais, alguns alimentos também ajudam na produção dos hormônios tireoidianos — entre eles, as oleaginosas, que são fonte de selênio, e o sal marinho, peixes e algas, ricos em iodo.

2.2 Anemia ferropriva

A anemia ferropriva é uma doença provocada pelo desequilíbrio alimentar, quando as quantidades de ferro diárias recomendadas não são atingidas. Esse mineral está presente em carnes vermelhas, especialmente no fígado; no feijão e em folhas verde-escuras.

Essa doença também pode acontecer devido a infecções intestinais, o que prejudica a absorção do ferro; perdas intensas de sangue, até mesmo por meio da menstruação; e durante a gestação.

A queda de ferro no organismo provoca a diminuição da energia e disposição física. Isso, porque esse nutriente é o responsável por fazer o transporte de oxigênio para todo o corpo por meio dos glóbulos vermelhos, também conhecidos como hemácias.

No tratamento da doença, o médico vai investigar qual é a causa da anemia para corrigi-la e, assim, recuperar os índices de ferro normais no organismo. Nesse processo, alguns exames laboratoriais serão realizados, e o clínico pode indicar alguns suplementos para suprir as necessidades diárias do mineral.

2.3 Falta de hidratação

Você já bebeu água hoje? A recomendação diária é ingerir, no mínimo, 2 litros por dia para manter a hidratação do seu corpo, o que resulta no bom funcionamento do organismo e, consequentemente, em maior disposição.

Pessoas hidratadas se sentem menos cansadas. Por isso, observe se essa é a causa da sua falta de energia e leve uma garrafinha de água sempre consigo, para monitorar o consumo diário.

Se observar que não está conseguindo ingerir esse líquido, você pode utilizar algumas estratégias, como: a saborização da água com frutas, como limão ou morango, que deixa a bebida mais atrativa e palatável, e o consumo de alguns alimentos que fornecem grande quantidade de líquidos, como a melancia.

Por último, não esqueça que o consumo excessivo de álcool pode provocar um quadro de desidratação, o que resulta em sensação de cansaço constante.

2.4 Estresse e ansiedade

A modernidade trouxe diversos benefícios para a nossa vida, como a facilidade na comunicação e no transporte. Todavia, nem tudo mudou para melhor. Os níveis de estresse e ansiedade estão cada vez maiores, os quais estão diretamente relacionados ao aumento do cansaço e da falta de disposição no dia a dia.

A explicação está na liberação de altas doses de cortisol e adrenalina na corrente sanguínea após situações estressantes. Esses hormônios deixam os indivíduos em estado de alerta, atrapalham a concentração e o sono e, como consequência, reduzem as reservas de energia.

Para amenizar esse problema, é importante investir na prática de exercícios físicos, que ajudam a aliviar as tensões, e em atividades relaxantes e prazerosas, como passeios periódicos a parques e praias. Consulte seu médico para verificar a necessidade do uso de medicamentos.

2.5 Depressão

Pessoas que sofrem com depressão têm muita dificuldade em encontrar forças para realizar qualquer atividade, seja ela a mais simples ou corriqueira. O cansaço e a falta de vontade são tão grandes, que, muitas vezes, os pacientes não conseguem nem mesmo sair da cama.  

Além desse sintoma, a depressão também interfere na capacidade de concentração, no apetite e na qualidade do sono e manifesta diversos pensamentos negativos em um indivíduo.

Por isso, essa doença precisa de um diagnóstico rápido e tratamento com psicoterapia e até antidepressivos, para que não afete ainda mais o bem-estar do paciente.

2.6 Apneia do sono

Caracterizada pelo fechamento da passagem de ar na garganta, a apneia do sono é um distúrbio que pode interromper a respiração por até 40 segundos. Essas pausas fazem com que a pessoa acorde diversas vezes durante a noite, o que atrapalha por completo o seu descanso.

Assim, ela passa a apresentar sintomas como fadiga e falta de energia, alterações de humor, como raiva e tristeza, falta de concentração nas atividades rotineiras e perda da memória.

Powered by Rock Convert

Para solucionar esse problema, é muito importante buscar ajuda médica, pois só assim é possível fazer exames que detectam esse distúrbio. Na grande maioria dos casos, o tratamento exige a perda de peso, visto que o excesso de gordura na região do pescoço é uma das principais causas da doença.

3. Descubra como a alimentação pode ajudar na disposição

O corpo precisa de combustível para funcionar de forma adequada, ou seja, deve ser abastecido com nutrientes e calorias. Por isso, ter uma alimentação saudável é essencial para conquistar a disposição necessária.

E você sabia que certos tipos de alimentos são verdadeiras fontes energéticas? Conheça quais são eles agora mesmo para incluir na sua dieta!

3.1 Açaí

Essa fruta típica brasileira, rica em carboidratos, fornece muita energia para o corpo e é utilizada, inclusive, por atletas, no pré-treino. O açaí também é fonte de gorduras insaturadas, que ajudam a controlar o colesterol e a pressão arterial, vitaminas C, B1 e B2.

3.2 Oleaginosas

As castanhas, nozes e amêndoas são fontes de proteína e gordura insaturada, nutrientes que contribuem para a redução dos triglicerídeos, do colesterol e da pressão arterial. Ademais, as oleaginosas também são ricas em selênio, cobre e magnésio, minerais que auxiliam no combate ao estresse, melhoram a memória e ajudam na produção de energia.

3.3 Mel

Alimento altamente energético e que ajuda a combater o cansaço, o mel é formado por dois tipos de carboidrato — a glicose e a frutose. Além disso, ele também é fonte de vitamina C, que tem forte ação antioxidante, e vitaminas do complexo B, que participam diretamente da síntese de energia pelo organismo.

3.4 Guaraná

Com grande quantidade de cafeína em sua composição, que é um potente estimulante do sistema nervoso central, o guaraná ajuda a melhorar a disposição e o ânimo. Todavia, ele deve ser usado com moderação, visto que o excesso pode provocar efeitos como ansiedade e inquietação.

3.5 Chá-verde

O chá-verde é outra fonte de cafeína, substância que aumenta a disposição e que também acelera o metabolismo, o que ajuda na queima gordura e na perda de peso. Aliás, muitas pessoas já fazem o uso da infusão dessa planta com a finalidade de emagrecer e, como bônus, desfrutam de maior disposição no dia a dia.

3.6 Banana

A banana é fonte de carboidratos e triptofano, aminoácido precursor da serotonina, que é um importante neurotransmissor em questões como regulação do sono e prevenção de distúrbios emocionais. Essa fruta também é rica em potássio, mineral que previne cãibras, fraqueza muscular e fadiga física e mental.

4. Saúde do sono: entenda como ela pode te ajudar

Dormir bem é fundamental para recuperar a energia e ter ânimo para encarar um novo dia. Uma noite revigorante produz hormônios que agem na manutenção e reparo do organismo. Por isso, é recomendado dormir entre 6 e 8 horas por noite e investir em higiene do sono, que são medidas que melhoram a qualidade do seu descanso e ajudam você a relaxar com maior facilidade.

Entre essas medidas, estão:

  • ter uma rotina de dormir, com horários fixos para deitar e acordar, inclusive nos fins de semana;

  • não ficar muito tempo enrolando na cama após acordar;

  • evitar o uso do quarto como local de trabalho ou estudos;

  • desligar aparelhos eletrônicos antes de deitar, como smartphones, computadores e televisão;

  • tomar um banho quente e relaxante antes de dormir;

  • fazer uma refeição leve à noite e evitar alimentos estimulantes, como café e chocolate;

  • diminuir a luz do quarto e deixar a temperatura ambiente mais agradável.

Seguindo essas dicas, você vai perceber como as suas noites ficarão ainda melhores, o que é um dos principais segredos para ter disposição para trabalhar, estudar, levar os filhos para a escola, fazer exercícios físicos e as compras no mercado. Ou seja, você terá energia para cumprir todas as tarefas cotidianas.

5. Suplementação: saiba se essa opção é para você

Se, mesmo investindo em alimentos energéticos e em medidas que melhoram a qualidade do seu sono, o cansaço for embora, é preciso partir para uma outra estratégia: a suplementação. Os suplementos são ótimos aliados na busca por uma vida mais ativa e cheia de energia, e — o melhor — os resultados são imediatos!

A seguir, fizemos uma seleção dos suplementos mais utilizados para essa finalidade. Você pode encontrá-los em drogarias e em farmácias de manipulação. Ademais, você pode fazer pesquisas online e comprar o seu produto com o melhor preço, segurança e qualidade sem nem precisar sair de casa!

5.1 Cafeína

A cafeína em cápsulas é o suplemento mais utilizado quando o assunto é energia. Agindo diretamente no sistema nervoso central, o seu mecanismo de ação envolve a elevação dos níveis de adrenalina, um neurotransmissor estimulante, e redução da adenosina, um neurotransmissor calmante, o que resulta na aceleração temporária do metabolismo.

5.2 Ginseng

O ginseng é um suplemento derivado de uma raiz muito utilizada na medicina chinesa, a qual apresenta propriedades estimulantes que ajudam a reduzir o estresse e o cansaço, o que melhora a qualidade de vida em geral e contribui para uma maior longevidade.  

5.3 Carboidratos

Consumir suplementos compostos por carboidratos é uma ótima maneira de aumentar a ingestão diária de calorias. Isso é fundamental para quem tem um gasto energético muito alto, como pessoas que praticam atividades físicas intensas.

A maltodextrina é um dos exemplos mais usados. Proveniente do amido de milho, ela fornece energia de forma rápida para treinar, além de permitir uma recuperação muscular mais eficiente e completa.

5.4 Coenzima Q10

A Coenzima Q10 está presente em todas as células do corpo, especialmente nos músculos, onde exerce um papel de destaque no metabolismo energético. Repor essa substância por meio da suplementação é uma maneira eficiente de ter mais disposição física no dia a dia.

5.5 Vitaminas do complexo B

Fundamental para o metabolismo dos carboidratos, que são as principais fontes de energia utilizadas pelo organismo, o complexo B inclui as vitaminas B1, B2, B3, B6 e B12. Ademais, elas participam também da síntese de proteínas e ganho de massa muscular, o que contribui para ter maior disposição e rendimento, especialmente durante os exercícios físicos.

6. Conclusão

Ter mais energia no dia a dia é algo indispensável para cumprir as suas responsabilidades e deveres sem cair nas garras do cansaço. Por isso, invista em hábitos saudáveis que estimulem a sua disposição, como ingerir alimentos nutritivos e ter noites bem-dormidas.

Além disso, você pode contar com a suplementação como uma mãozinha a mais — essa é uma ajuda e tanto para ter mais ânimo e força de vontade. Aliás, o mercado farmacêutico oferece uma gama de opções para que você consiga atingir o seu objetivo.

Seguindo todas essas medidas, uma coisa é certa: você vai conseguir jogar o cansaço para escanteio, a sua rotina ficará bem menos pesada, e você terá mais qualidade de vida. Comece hoje mesmo e sinta os resultados na pele!

inalador ultrassônico respiramaxPowered by Rock Convert

Sobre o autor

Rodrigo Fávaro

Administrador de empresas com pós-graduação em Matemática Financeira e MBA de Gestão do Varejo Farmacêutico (CPDEC).

Cerca de 8 anos atrás, fui diagnosticado com uma doença autoimune, chamada Doença de Chron, a partir deste dia vi o quanto é importante ter nossa saúde em dia.
Isso foi o gatilho para meu maior propósito: Ajudar outras pessoas a cuidarem de sua Saúde e Qualidade de vida.

Deixar comentário.

Share This